Tutorial do Excel: como executar um teste t no Excel

Introdução


Você já se perguntou como determinar se há uma diferença significativa entre dois conjuntos de dados? No mundo da análise de dados, os testes T são comumente usados ​​para comparar as médias de dois grupos e determinar se há uma diferença estatisticamente significativa entre eles. Neste tutorial do Excel, vamos nos aprofundar no importância de testes t na análise de dados e aprenda a executar um teste t no Excel.


Takeaways -chave


  • Os testes T são comumente usados ​​na análise de dados para comparar as médias de dois grupos e determinar se há uma diferença estatisticamente significativa entre eles.
  • Existem diferentes tipos de testes t, incluindo amostras independentes, amostras independentes e amostras emparelhadas, cada uma usada em cenários específicos.
  • Organizar e preparar seus dados no Excel é crucial antes de executar um teste t para garantir resultados precisos.
  • O Excel oferece ferramentas como a função de análise de análise de dados e função de teste t para executar facilmente testes t para diferentes cenários.
  • Praticar os testes t em Excel pode ajudar a melhorar as habilidades de análise de dados e a compreensão da significância estatística.


Compreendendo testes t


Um teste t é um método estatístico usado para determinar se há uma diferença significativa entre as médias de dois grupos. É comumente usado na pesquisa e análise de dados para comparar os valores médios de dois conjuntos de dados.

A. diferentes tipos de testes t
  • Teste t de uma amostra:


    Este teste é usado para determinar se a média de uma única amostra é significativamente diferente de uma média populacional conhecida ou hipotética.
  • Amostras independentes-teste:


    Este teste é usado para comparar as médias de dois grupos independentes para determinar se há uma diferença significativa entre eles.
  • Amostras emparelhadas T-teste t:


    Este teste é usado para comparar as médias de dois grupos relacionados, como medições antes e depois, ou pares correspondentes.

B. Explicação de quando usar cada tipo de teste t

É importante escolher o tipo certo de teste t com base na natureza dos seus dados e na hipótese que você deseja testar. Aqui está uma breve explicação de quando usar cada tipo:

  • Teste t de uma amostra: Este teste é adequado quando você deseja comparar uma amostra média com uma média de população conhecida ou hipotética, ou quando você tem um único grupo de dados e deseja testar se a média é significativamente diferente de um valor específico.
  • Amostras independentes-teste: Use este teste quando deseja comparar as médias de dois grupos não relacionados, como dois grupos de tratamento diferentes ou duas populações diferentes.
  • Amostras emparelhadas T-teste t: Use este teste quando deseja comparar as médias de dois grupos relacionados, como medições antes e depois, ou quando você tiver pares de dados correspondentes.


Preparando seus dados no Excel


Antes de executar um teste t no Excel, é importante organizar adequadamente e garantir que seus dados atendam às suposições para um teste t.

A. Organizando seus dados em uma planilha

Ao preparar seus dados para um teste t no Excel, é essencial organizar seus dados de maneira clara e sistemática. Isso normalmente envolve a criação de uma planilha com sua variável independente em uma coluna e sua variável dependente em outra coluna. Cada linha deve representar um ponto de dados exclusivo.

B. garantir que os dados atendam às suposições para um teste t

Antes de executar um teste t, é crucial garantir que seus dados atendam às suposições para um teste t. Essas suposições incluem a normalidade dos dados, a homogeneidade de variações e a independência das observações. O Excel não possui ferramentas internas para testar essas suposições; portanto, é importante usar outros softwares ou métodos estatísticos para avaliar essas suposições.


Executando um teste t de uma amostra no Excel


Quando você precisa comparar a média de uma amostra com um valor conhecido, um teste t de uma amostra é a ferramenta estatística que você usaria. Neste tutorial, levaremos você pelas etapas para executar um teste t de uma amostra no Excel.

A. inserindo os dados no Excel
  • Etapa 1: Abra o Excel e insira seus dados


    Comece abrindo uma nova planilha do Excel e inserindo seus dados em uma coluna. Certifique -se de incluir o valor conhecido que você deseja comparar.

  • Etapa 2: Calcule a média da amostra e o desvio padrão


    Em seguida, use funções do Excel, como média e Stdev.s, para calcular a média da amostra e o desvio padrão de seus dados.


B. Usando o Data Analysis Toolpak para executar o teste
  • Etapa 1: instale a ferramenta de análise de dados


    Se você não instalou o Data Analysis Toolpak no Excel, precisará fazê -lo antes de prosseguir. Vá para "FILE"> "Opções"> "Add-ins" e selecione "Analysis Toolpak" da lista de complementos.

  • Etapa 2: Selecione o teste t: duas amostra emparelhadas para meios


    Depois que a ferramenta de análise de dados estiver instalada, vá para a guia "Dados", clique em "Análise de dados" no grupo de análise e selecione "Teste t: emparelhou duas amostras para meios" da lista de opções.

  • Etapa 3: Insira os parâmetros necessários


    Na caixa de diálogo Test Test, insira os parâmetros necessários, incluindo o valor conhecido, a média da amostra, o desvio padrão e o tamanho da amostra. Você também pode especificar o nível de significância e escolher se deve assumir variações iguais ou não.

  • Etapa 4: interprete os resultados


    Depois de executar o teste t, o Excel fornecerá a estatística de teste, o valor p e outras informações relevantes. Com base no valor p, você pode determinar se a média da amostra é significativamente diferente do valor conhecido.



Executando um teste t de amostras independentes no Excel


Ao conduzir a análise estatística, geralmente é necessário comparar as médias de dois grupos independentes para determinar se há uma diferença significativa entre eles. No Excel, você pode usar a função do teste t para comparar as médias de dois grupos independentes e determinar se a diferença entre eles é estatisticamente significativa.

A. Configurando os dados para dois grupos independentes
  • Crie uma nova planilha do Excel e insira seus dados em duas colunas separadas. Cada coluna deve representar um grupo diferente que você deseja comparar.


  • Rotule as colunas adequadamente para indicar qual grupo cada conjunto de dados representa.


  • Verifique se os dados em cada grupo são independentes e representam uma amostra aleatória da população que você está estudando.


  • Também é importante verificar qualquer outlier ou erros nos dados antes de prosseguir com o teste t.



B. Usando a função do teste t no Excel para comparar os meios
  • Selecione uma célula vazia onde deseja que os resultados do teste t apareçam.


  • Clique na guia "Fórmulas" na parte superior da janela do Excel e selecione "mais funções" e escolha "Estatística" no menu suspenso.


  • Role para baixo e clique na função "T.Test" para abrir a caixa de diálogo Test Test.


  • Na caixa de diálogo, insira o intervalo de células para cada grupo nos campos "Array 1" e "Array 2".


  • Em seguida, digite a hipotética diferença média no campo "Hipotética média de diferença". Se você não tiver um valor específico em mente, pode deixar esse campo em branco.


  • Escolha o tipo de teste t que deseja executar (ou seja, duas amostras assumindo variações iguais, duas amostras assumindo variações desiguais ou amostras emparelhadas) e defina o nível alfa para o seu teste.


  • Clique em "OK" para executar a função do teste t e o Excel calculará a estatística t, o valor p e os graus de liberdade para seus dados.




Executando um teste t de amostras emparelhado no Excel


Ao realizar um teste t de amostras emparelhado no Excel, é importante garantir que os dados sejam organizados corretamente e que a função correta seja usada para obter resultados precisos. Abaixo estão as etapas para executar um teste t de amostras emparelhado no Excel.

Organizando os dados para observações emparelhadas


  • Passo 1: Abra uma nova pasta de trabalho do Excel e insira as observações emparelhadas em duas colunas. Por exemplo, se você estiver comparando as pontuações dos alunos antes e depois de um programa de treinamento, as pontuações "antes" devem estar em uma coluna e as pontuações "após" devem estar em outra coluna.
  • Passo 2: Rotule as colunas de acordo, como "antes" e "depois".
  • Etapa 3: É importante garantir que cada par de observações esteja na mesma linha. Isso significa que a primeira pontuação "antes" se alinha com a primeira pontuação "após" e assim por diante.

Usando a função de teste t emparelhado no Excel


  • Passo 1: Clique em uma célula vazia onde deseja que os resultados do teste t apareçam.
  • Passo 2: Digite a seguinte fórmula: = Ttest (Array1, Array2, 2, 2), onde "Array1" é o alcance de "antes de" pontuações e "Array2" é o alcance de "depois".
  • Etapa 3: Pressione "Enter" para calcular o teste t de amostras emparelhado.
  • Passo 4: O resultado aparecerá na célula, incluindo a estatística T, o valor P e os graus de liberdade.


Conclusão


Depois de aprender a executar um teste t no Excel, fica claro que esta ferramenta estatística é importante para tomar decisões informadas na análise de dados. Seja você um aluno, pesquisador ou profissional, a compreensão dos testes T pode fornecer informações valiosas sobre o significado das diferenças nos dados. EU encorajar você para prática executando testes t em excel para melhorar Suas habilidades e ganham confiança na análise de dados de maneira eficaz.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles