Tutorial do Excel: Como ler o arquivo XML no Excel

Introdução


XML (Linguagem de marcação extensível) é um formato popular para armazenar e transportar dados. É amplamente utilizado em vários aplicativos, incluindo desenvolvimento da Web, e é favorecido por sua flexibilidade e legibilidade. Lendo arquivos XML no Excel pode ser incrivelmente útil para empresas e indivíduos que precisam acessar e analisar dados armazenados neste formato. Neste tutorial, levaremos você ao processo de abertura e trabalho com arquivos XML no Excel, para que você possa aproveitar o poder desse formato de dados versátil.


Takeaways -chave


  • O XML é um formato popular para armazenar e transportar dados, e a leitura de arquivos XML no Excel pode ser muito útil para análise de dados.
  • Compreender a estrutura básica dos arquivos XML, incluindo elementos e atributos, é importante para a manipulação eficaz de dados no Excel.
  • O Excel fornece recursos para abrir e importar dados XML, além de manipular e trabalhar com grandes arquivos XML.
  • As práticas recomendadas para ler os arquivos XML no Excel incluem a manutenção da integridade dos dados, a garantia de importação de dados precisa e a solução de problemas comuns.
  • O manuseio de dados eficiente no Excel pode ser alcançado pela compreensão do formato XML e praticando com dados XML.


Entendendo o formato XML


XML, ou linguagem de marcação extensível, é um idioma de marcação que define um conjunto de regras para codificar documentos em um formato que seja legível por humanos e legível por máquina. É comumente usado para trocar informações entre sistemas e por arquivos de configuração.

A. Definição de XML

O XML é uma maneira versátil e flexível de criar formatos de dados. Ele foi projetado para ser auto-descritivo e fácil de entender. O XML é um complemento ao HTML, projetado especificamente para troca de dados em vez de exibição de documentos.

B. Estrutura básica dos arquivos XML

Os arquivos XML são estruturados como uma hierarquia de informações. Eles começam com uma declaração que identifica a versão do XML sendo usada, seguida pelo elemento raiz, que contém todos os outros elementos do arquivo. Dentro do elemento raiz, outros elementos aninhados podem ser definidos para organizar os dados.

C. Elementos e atributos em XML

Os elementos são os blocos de construção de um documento XML, representando os dados individuais. Cada elemento pode ter atributos que fornecem informações adicionais sobre o elemento. Elementos e atributos são definidos usando tags, que estão entre colchetes de ângulo. Por exemplo, John


Abrindo o arquivo XML no Excel


O Excel fornece vários métodos para abrir e ler arquivos XML. Aqui estão algumas maneiras de fazer isso:

A. Usando o recurso "aberto"

Uma maneira de abrir um arquivo XML no Excel é usando o recurso "aberto". Basta acessar o menu "Arquivo", clique em "Open" e selecione o arquivo XML no seu computador. O Excel tentará automaticamente analisar o conteúdo XML e exibi -lo em um formato estruturado.

B. Importando dados XML para Excel

Outro método é importando os dados XML para o Excel. Isso pode ser feito indo para a guia "Dados", clicando em "Get Data" e, em seguida, selecionando "do arquivo" e "do XML". Você pode escolher o arquivo XML e especificar como deseja importar os dados para o Excel.

C. Mapeando elementos XML para Excel Colunas

Depois que os dados XML são importados para o Excel, pode ser necessário mapear os elementos XML para o Excel Colunas. Isso pode ser feito através do painel de tarefas "XML Source", onde você pode definir o mapeamento entre elementos XML e células ou tabelas do Excel. Isso ajudará a organizar os dados XML de maneira significativa na planilha do Excel.


Manipulando dados XML no Excel


O Excel é uma ferramenta poderosa para trabalhar com dados XML, permitindo que os usuários classifiquem, filtem e convertem facilmente os dados XML em um formato de tabela. Neste tutorial, exploraremos como manipular dados XML no Excel para torná -los mais úteis e mais fáceis de trabalhar.

A. Classificação e filtragem de dados XML

Ao trabalhar com dados XML no Excel, a classificação e a filtragem podem ajudar a organizar os dados e facilitar a análise. O Excel fornece recursos internos para classificar e filtrar dados XML, permitindo que os usuários organizem rapidamente as informações de uma maneira mais útil.

1. Classificação de dados XML


O Excel permite que os usuários classifiquem os dados XML por um campo ou atributo específico, facilitando a identificação de padrões ou tendências dentro dos dados. Ao usar a função de classificação, os usuários podem organizar rapidamente os dados XML com base em suas preferências.

2. Filtrando dados XML


A filtragem de dados XML no Excel permite que os usuários exibam apenas as informações que atendem a determinados critérios. Isso pode ajudar a restringir um grande conjunto de dados e se concentrar em elementos ou atributos específicos no arquivo XML.

B. Usando funções do Excel com dados XML

As funções do Excel podem ser usadas para manipular e extrair informações dos dados XML, fornecendo aos usuários ferramentas mais avançadas para trabalhar com os dados.

1. Usando o painel de tarefas de origem XML


O painel de tarefas de origem XML no Excel permite que os usuários mapeie os elementos XML para as células na planilha, facilitando o trabalho com os dados usando funções do Excel.

2. Utilizando funções do Excel para dados XML


Funções do Excel, como XPath, XQuery e XML, podem ser usadas para extrair informações específicas dos dados XML, permitindo que os usuários executem operações mais complexas nos dados.

C. convertendo dados XML em uma tabela

Um dos recursos mais úteis para trabalhar com dados XML no Excel é a capacidade de convertê -los em um formato de tabela, facilitando a manipulação e a análise.

1. Importando dados XML para Excel


O Excel permite que os usuários importem dados XML diretamente para a planilha, onde podem ser facilmente formatados em uma tabela para análises adicionais.

2. Usando o recurso de tabela XML


Depois que os dados XML são importados para o Excel, os usuários podem convertê -los em uma tabela XML, que fornece uma visão estruturada e organizada dos dados para facilitar a manipulação.


Trabalhando com grandes arquivos XML


Ao trabalhar com grandes arquivos XML no Excel, é importante empregar dicas para lidar com os arquivos, otimizar o desempenho e utilizar ferramentas externas para manipulação complexa.

A. Dicas para lidar com grandes arquivos XML


  • Dados de filtragem: Use o recurso de filtragem do Excel para remover dados desnecessários e tornar o arquivo mais gerenciável.
  • Dados de divisão: Considere dividir arquivos XML grandes em pedaços menores e mais gerenciáveis ​​usando ferramentas ou scripts externos.
  • Usando o mapeamento XML: Utilize o recurso de mapeamento XML do Excel para definir a estrutura do arquivo XML e importar facilmente os dados.

B. Otimizando o desempenho ao trabalhar com grandes arquivos XML


  • Limitando cálculos desnecessários: Desative os cálculos automáticos e evite usar fórmulas complexas em grandes arquivos XML para melhorar o desempenho.
  • Usando o Excel de 64 bits: Se possível, trabalhe com uma versão de 64 bits do Excel para aproveitar o aumento dos recursos de memória e processamento.
  • Usando a consulta de energia: Considere o uso da consulta de energia para importar e transformar dados de grandes arquivos XML, que podem melhorar o desempenho e fornecer mais flexibilidade na manipulação de dados.

C. Usando ferramentas externas para manipulação XML complexa


  • Editores XML: Utilize editores XML dedicados ou editores de texto com suporte ao XML para executar manipulação complexa e edição de grandes arquivos XML.
  • Linguagens de programação: Considere o uso de linguagens de programação, como Python ou Java, para escrever scripts para processamento e manipulação de grandes arquivos XML.
  • Sistemas de banco de dados: Importe arquivos XML grandes em sistemas de banco de dados, como o SQL Server ou o MySQL, para armazenamento e consulta eficientes dos dados.


Melhores práticas para ler arquivos XML no Excel


Ao trabalhar com os arquivos XML no Excel, é importante seguir as melhores práticas para manter a integridade dos dados, garantir a importação de dados precisa e solucionar problemas comuns.

A. Mantendo a integridade dos dados
  • Use o mapeamento XML


    Utilize o recurso de mapeamento XML no Excel para mapear os elementos XML para as células apropriadas na planilha. Isso ajuda a manter a estrutura e a integridade dos dados.

  • Validar esquema XML


    Antes de importar o arquivo XML, verifique se o esquema XML é válido e adere à estrutura de dados necessária. Isso ajuda a impedir a corrupção e os erros de dados durante a importação.

  • Lidar com arquivos grandes com cuidado


    Seja cauteloso ao trabalhar com grandes arquivos XML, pois o Excel pode ter dificuldade para lidar com os dados com eficiência. Considere quebrar arquivos grandes em pedaços menores e gerenciáveis ​​para manter a integridade dos dados.


B. Garantir importação de dados precisa
  • Revise os tipos de dados


    Verifique se os tipos de dados no arquivo XML são compatíveis com o Excel para evitar problemas durante a importação. Valide os tipos de dados e faça os ajustes necessários, se necessário.

  • Preservar a estrutura de dados


    Preste atenção à estrutura hierárquica do arquivo XML e verifique se os dados são importados com precisão com os relacionamentos corretos para pai-filho mantidos na planilha.

  • Importação de dados de teste


    Antes de finalizar a importação, realize testes completos para verificar se os dados são importados com precisão e não há discrepâncias ou erros na planilha.


C. Solucionando problemas de problemas comuns
  • Resolva erros de mapeamento


    Se houver erros de mapeamento durante a importação XML, revise o mapeamento XML e verifique se os elementos são mapeados corretamente para as células correspondentes na planilha.

  • Lidar com caracteres especiais


    Os arquivos XML podem conter caracteres especiais que podem causar problemas durante a importação. Preste atenção aos caracteres especiais e lida com eles adequadamente para evitar erros de importação de dados.

  • Verifique a perda de dados


    Depois de importar o arquivo XML, revise cuidadosamente os dados na planilha para verificar se há qualquer perda de dados ou discrepâncias possíveis que possam ter ocorrido durante o processo de importação.



Conclusão


Em conclusão, aprendemos como Leia um arquivo XML no Excel usando os recursos internos. Seguindo as etapas descritas neste tutorial, você pode importar e analisar efetivamente os dados XML no Excel.

Ao continuar praticando e explorando dados XML no Excel, você entenderá melhor como eles podem ser usados ​​para manipular e extrair informações valiosas. A capacidade de trabalhar com o formato XML é uma habilidade valiosa que pode Melhore sua eficiência no manuseio de dados dentro do Excel.

Lembre -se de continuar experimentando diferentes arquivos XML e continue refinando suas habilidades. Com o tempo e a prática, você se tornará proficiente em trabalhar com dados XML no Excel.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles