Tutorial do Excel: Como colocar dados no Excel em um gráfico

Introdução


Visualizando dados em um gráfico é uma ferramenta essencial para entender as tendências, padrões e relacionamentos dentro de um conjunto de dados. Não apenas torna mais informações complexas acessível E facilmente compreensível, mas também ajuda a tomar decisões informadas. Nisso Tutorial do Excel, levaremos você pelo processo de colocar seus dados em um gráfico, permitindo que você transmita efetivamente suas descobertas e insights.


Takeaways -chave


  • Visualizar dados em um gráfico é essencial para entender as tendências, padrões e relacionamentos dentro de um conjunto de dados.
  • Os gráficos tornam as informações complexas mais acessíveis e facilmente compreensíveis.
  • Escolher o tipo de gráfico certo é importante e depende do tipo de dados que está sendo apresentado.
  • A personalização do gráfico com rótulos, títulos e cores de eixo pode torná -lo visualmente atraente e mais fácil de interpretar.
  • A análise de gráficos pode ajudar a identificar tendências ou padrões dentro dos dados.


Preparando dados para gráficos


Ao criar um gráfico no Excel, é essencial começar com dados bem organizados e precisos. A preparação dos dados para o gráfico envolve organizá -los de maneira clara e concisa e garantir que seja preciso e completo.

A. Organize os dados de maneira clara e concisa


Antes de criar um gráfico, é importante organizar os dados de maneira clara e concisa. Isso envolve organizar os dados em colunas e linhas, com cada coluna representando uma categoria ou variável diferente e cada linha representando um ponto de dados diferente. Também é importante rotular claramente as colunas e linhas para garantir que o gráfico represente com precisão os dados.

  • Use cabeçalhos: Utilize a linha superior como cabeçalhos para cada coluna para identificar claramente as categorias de dados.
  • Use formatação consistente: Verifique se os dados são formatados de forma consistente para facilitar a compreensão e o trabalho.
  • Classifique os dados: Se necessário, classifique os dados para facilitar a identificação de tendências e padrões ao representar graficamente os dados.

B. Verifique se os dados são precisos e completos


A precisão e a integridade são cruciais ao preparar dados para gráficos. É importante revisar os dados para garantir que estejam livres de erros e que todas as informações necessárias sejam incluídas.

  • Verifique se há erros: Revise os dados de quaisquer imprecisões, inconsistências ou outliers que possam afetar a precisão do gráfico.
  • Preencha os dados ausentes: Verifique se não há lacunas ou valores ausentes nos dados que possam levar a gráficos enganosos ou incompletos.


Escolhendo o tipo de gráfico certo


Quando se trata de colocar dados em um gráfico no Excel, é importante escolher o tipo certo de gráfico para apresentar efetivamente os dados. Aqui estão algumas considerações importantes a serem lembradas:

A. Considere o tipo de dados que estão sendo apresentados

Antes de decidir sobre um tipo de gráfico, é crucial considerar o tipo de dados que você deseja apresentar. São dados numéricos, dados categóricos ou dados de séries temporais? Compreender a natureza dos seus dados ajudará você a determinar o tipo de gráfico mais adequado.

B. Decida entre gráficos de barras, gráficos de linha, gráficos de pizza, etc.

Depois de identificar o tipo de dados, você pode decidir sobre o tipo de gráfico específico a ser usado. Para dados numéricos, considere usar um gráfico de barras para comparar categorias diferentes. Se você deseja mostrar tendências ao longo do tempo, um gráfico de linha pode ser mais apropriado. Para dados categóricos, um gráfico de pizza pode ser melhor para exibir proporções.

  • Gráficos de barras: Ideal para comparar categorias ou mostrar mudanças ao longo do tempo.
  • Gráficos de linha: Ótimo para exibir tendências e mudanças ao longo do tempo.
  • Gráfico de setores: Útil para exibir proporções e porcentagens de um todo.


Criando o gráfico no Excel


Ao trabalhar com o Excel, é importante saber como apresentar seus dados visualmente por meio de gráficos. Veja como você pode criar um gráfico no Excel:

A. Abra o Excel e selecione os dados a serem representados

Antes de criar um gráfico, você precisa ter os dados que deseja visualizar. Abra sua planilha do Excel e selecione o intervalo de dados que você deseja incluir no seu gráfico. Esta pode ser uma única coluna ou linha, ou várias colunas e linhas de dados.

B. Escolha o tipo de gráfico apropriado na guia "Inserir"

Depois de selecionar os dados, navegue até a guia "Inserir" na parte superior da janela do Excel. Aqui, você encontrará vários tipos de gráficos que você pode escolher para representar seus dados. Os tipos mais comuns de gráficos incluem gráficos de barras, gráficos de linha, gráficos de pizza e gráficos de dispersão. Selecione o tipo de gráfico que melhor se adapta aos dados que você selecionou.


Personalizando o gráfico


Depois de inserir seus dados em uma planilha do Excel e criar um gráfico, convém personalizá -los para torná -los mais visualmente atraentes e mais fáceis de entender. Aqui estão algumas maneiras de personalizar seu gráfico:

  • Ajuste os rótulos e títulos do eixo

    Uma maneira de personalizar seu gráfico é ajustar os rótulos e títulos do eixo. Isso pode ajudar a fornecer mais contexto e informações sobre os dados que estão sendo exibidos. Você pode alterar os títulos dos eixos X e Y, bem como os rótulos e unidades.

  • Adicione cor e formatação para tornar o gráfico visualmente atraente

    Outra maneira de personalizar seu gráfico é adicionar cor e formatação para torná -lo visualmente atraente. Você pode alterar a cor das barras, linhas ou fatias de torta no seu gráfico para destacá -las. Além disso, você pode adicionar diferentes opções de formatação, como padrões ou gradientes, para personalizar ainda mais a aparência visual do seu gráfico.



Analisando o gráfico


Depois de criar um gráfico no Excel, é importante analisar adequadamente as informações que ele apresenta. Aqui estão alguns pontos -chave a serem lembrados:

A. Interprete as informações apresentadas no gráfico

Ao olhar para um gráfico, é essencial entender o que os dados estão dizendo. Tome nota dos eixos e dos rótulos, pois eles fornecem contexto valioso para interpretar as informações. Procure quaisquer padrões ou outliers que possam se destacar e considere o que eles podem indicar sobre os dados.

B. Procure tendências ou padrões nos dados

Um dos principais propósitos de criação de um gráfico é visualizar padrões ou tendências nos dados. Ao analisar o gráfico, preste atenção a quaisquer padrões recorrentes, tendências para cima ou para baixo ou quaisquer outros recursos notáveis. Considere o que essas tendências podem significar no contexto de seus dados e no assunto mais amplo.


Conclusão


Em conclusão, criando gráficos em Excel é uma habilidade valiosa que pode ajudá -lo a representar visualmente seus dados para uma melhor análise. Discutimos os principais pontos de seleção do seu intervalo de dados, escolhendo um tipo de gráfico e personalizando seu gráfico. Seguindo essas etapas, você pode efetivamente apresentar seus dados de uma maneira visualmente atraente.

Eu encorajo todos os leitores a prática criando gráficos no Excel para se tornar mais proficiente na análise de dados. Quanto mais você praticar, mais confiante se tornará usando o Excel em todo o seu potencial para graficar e analisar dados.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles