Tutorial do Excel: como fazer o Painel do Excel

Introdução


Os painéis do Excel são uma ferramenta poderosa para apresentar e analisar visualmente dados. Eles permitem que os usuários vejam de maneira rápida e fácil as principais tendências, insights e indicadores de desempenho rapidamente. Um painel do Excel é uma única página que resume informações importantes de várias fontes de dados, usando vários gráficos, tabelas e outros elementos visuais. Criar um painel eficaz no Excel é crucial Para os tomadores de decisão tomarem decisões informadas e acompanhar o progresso de seus negócios ou projeto.


Takeaways -chave


  • Os painéis do Excel são uma ferramenta poderosa para apresentar e analisar visualmente dados.
  • Criar um painel eficaz no Excel é crucial para os tomadores de decisão tomarem decisões informadas e acompanhar o progresso.
  • Componentes de planejamento, design, coleta de dados e construção são etapas importantes na criação de um painel eficaz do Excel.
  • Adicionar interatividade ao painel pode aprimorar a experiência do usuário e fornecer navegação perfeita.
  • Mais exploração e prática com o design do painel do Excel são incentivadas a dominar as técnicas de criação.


Planejando seu painel


Antes de começar a criar um painel do Excel, é importante planejar cuidadosamente o objetivo, as principais métricas e o público -alvo do painel. Isso garantirá que seu painel comunique efetivamente as informações que você deseja transmitir.

A. Defina o objetivo do seu painel

Antes de começar a criar seu painel, é importante definir claramente o objetivo do painel. O que você deseja alcançar com este painel? Você está tentando rastrear o desempenho das vendas, monitorar o progresso do projeto ou analisar dados financeiros? Ter um entendimento claro do objetivo ajudará a orientar o design e o conteúdo do seu painel.

B. Identifique as principais métricas para incluir

Depois de definir o objetivo do seu painel, o próximo passo é identificar as principais métricas que o ajudarão a alcançar esse objetivo. Estes podem ser KPIs (principais indicadores de desempenho), como receita de vendas, pontuações de satisfação do cliente ou taxas de conclusão do projeto. Pense nos pontos de dados específicos que melhor ilustram o desempenho ou o progresso em relação ao objetivo do seu painel.

C. Determine o público -alvo para o painel

Compreender o público -alvo do seu painel é crucial para determinar o design, o conteúdo e o nível de detalhe que serão mais eficazes. Considere quem usará o painel - eles são executivos, gerentes de projeto ou equipes de vendas? A adaptação do painel para as necessidades e preferências específicas do público -alvo garantirá que ele forneça as informações mais relevantes e úteis.


Projetando o layout do seu painel


Ao criar um painel do Excel, o layout é um aspecto essencial a considerar. Aqui estão alguns pontos -chave a serem lembrados ao projetar o layout do seu painel.

A. Escolha o tipo apropriado de gráficos e gráficos
  • Considere o objetivo dos dados


    Antes de selecionar o tipo de gráficos e gráficos a serem usados, pense no objetivo dos dados que você está apresentando. Você está comparando dados, mostrando tendências ou destacando relacionamentos? Isso ajudará você a escolher a visualização mais adequada.

  • Use uma variedade de visuais


    É importante misturar diferentes tipos de visuais para capturar a atenção do público. Por exemplo, você pode usar gráficos de pizza, gráficos de barras e gráficos de linha para apresentar diferentes aspectos dos dados.


B. Organize o layout para facilitar a legibilidade
  • Informações relacionadas ao grupo


    Organize os gráficos, gráficos e tabelas de maneira lógica para garantir que as informações relacionadas sejam colocadas juntas. Isso ajudará o público a interpretar e entender facilmente os dados.

  • Use espaço em branco


    Não superlote o painel com muitos visuais e dados. Deixe o espaço branco suficiente em torno dos elementos para fazer o painel parecer limpo e organizado.


C. Use a codificação de cores para destacar informações importantes
  • Escolha um esquema de cores consistente


    Use um esquema de cores consistente em todo o painel para manter a harmonia visual. Isso ajudará o público a identificar rapidamente os diferentes elementos e seu significado.

  • Use a cor para chamar a atenção


    Utilize cores em negrito e contrastante para destacar informações importantes, como indicadores de desempenho importantes ou pontos de dados críticos. Isso tornará mais fácil para o público se concentrar nos aspectos mais vitais do painel.



Coleta e análise de dados


A. Reúna e organize os dados necessários

  • Identifique as principais métricas e pontos de dados que precisam ser incluídos no painel
  • Colete dados de várias fontes, como planilhas, bancos de dados e fontes externas
  • Organize os dados em um formato estruturado no Excel para facilitar a manipulação e a análise

B. Use funções e fórmulas do Excel para analisar os dados

  • Utilize funções como soma, média e contagem para calcular métricas importantes
  • Aplique fórmulas para manipulação de dados, previsão e análise de tendências
  • Crie tabelas e gráficos de pivô para visualizar os dados e identificar padrões e tendências

C. garantir a precisão e consistência dos dados

  • Executar a validação de dados para garantir que os dados inseridos atendam a critérios específicos e sejam precisos
  • Implementar técnicas de limpeza de dados para remover quaisquer inconsistências ou erros no conjunto de dados
  • Atualize e verifique regularmente os dados para manter sua precisão e relevância para o painel


Construindo os componentes do painel


Ao criar um painel do Excel, é importante se concentrar na representação visual dos dados. Isso envolve a criação de vários componentes que podem efetivamente transmitir os insights ocultos dentro dos números e textos. Aqui estão os principais componentes a serem considerados:

A. Crie tabelas de articulação e gráficos de pivô

As tabelas de pivô e os gráficos de pivô são ferramentas essenciais para resumir e analisar grandes conjuntos de dados. Eles permitem que você organize e manipule seus dados rapidamente, facilitando a identificação de padrões e tendências. Para criar uma tabela dinâmica, vá para a guia "Inserir" e selecione "Pivottable". Em seguida, escolha o intervalo de dados e o local para sua tabela dinâmica. Depois de ter sua tabela pivô, você pode criar facilmente um gráfico de pivô selecionando a tabela e navegando na guia "Inserir" e clicando em "Pivotchart".

B. Insira elementos interativos, como menus suspensos e slicers

Elementos interativos, como menus suspensos e fatores, podem melhorar a usabilidade do seu painel. Eles permitem que os usuários filtrem e analisem dados dinamicamente, proporcionando uma experiência mais personalizada e intuitiva. Para inserir um menu suspenso, vá para a guia "Dados" e selecione "Validação de dados". Para os slicers, vá para a guia "Inserir", clique em "Slicer" e escolha os campos que deseja filtrar. Esses elementos interativos podem ser vinculados a tabelas e gráficos pivô, permitindo que os usuários personalizem sua visão dos dados.

C. Utilize a formatação condicional para representar visualmente as tendências de dados

A formatação condicional é um recurso poderoso que permite aplicar pistas visuais aos seus dados com base em determinados critérios. Isso pode ajudar a destacar informações e tendências importantes no seu painel. Para usar a formatação condicional, selecione o intervalo de dados que deseja formatar, acesse a guia "Home" e clique em "Formatação condicional". A partir daí, você pode escolher entre uma variedade de opções, como barras de dados, escalas de cores e conjuntos de ícones, para representar visualmente seus dados.


Adicionando interatividade


A incorporação de recursos interativos no painel do Excel pode aprimorar bastante a experiência do usuário e tornar os dados mais acessíveis e acionáveis. Aqui estão algumas etapas importantes para adicionar interatividade ao seu painel:

A. Incorpore recursos interativos para entrada do usuário


  • Menus suspensos: Use a validação de dados para criar menus suspensos que permitem aos usuários selecionar critérios ou filtros específicos para o painel.
  • Caixas de entrada: Insira caixas de entrada em que os usuários podem inserir valores ou parâmetros específicos para personalizar os dados exibidos no painel.

B. Crie elementos dinâmicos e vinculados para navegação perfeita


  • Hiperlinks: Ligue diferentes elementos do painel para facilitar a navegação entre diferentes seções ou vistas.
  • Gráficos e tabelas dinâmicas: Utilize fórmulas e intervalos dinâmicos para atualizar automaticamente gráficos e tabelas com base na entrada do usuário ou alterações nos dados subjacentes.

C. Teste a funcionalidade de elementos interativos


  • Teste de usuário: Convide colegas ou usuários para interagir com o painel e fornecer feedback sobre a usabilidade e a eficácia dos recursos interativos.
  • Garantia da Qualidade: Teste minuciosamente os elementos interativos para garantir que eles estão funcionando como pretendido e estão livres de erros ou bugs.


Conclusão


Em conclusão, a criação de um painel do Excel eficaz é crucial para visualizar e analisar dados de maneira clara e eficiente. Permite uma melhor tomada de decisão e melhor comunicação de informações importantes. Convido você a continuar explorando e praticando o design do painel no Excel para se tornar mais proficiente na utilização dessa ferramenta poderosa. Além disso, existem muitos recursos disponíveis, como tutoriais on -line, cursos e fóruns comunitários que podem ajudá -lo a dominar a criação do painel do Excel. Continue aprendendo e melhorando suas habilidades para se destacar na visualização e análise de dados!

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles