Tutorial do Excel: Como fazer o gráfico de bolhas Excel

Introdução


Se você já quis representar visualmente dados de uma maneira que vai além do gráfico tradicional de bar ou linha, depois um gráfico de bolhas Pode ser exatamente o que você precisa. Esse tipo de gráfico usa três conjuntos de dados para criar bolhas de tamanhos variados, permitindo transmitir informações complexas de maneira simples e envolvente. Neste tutorial, exploraremos o Importância de usar um gráfico de bolhas no Excel e orientá -lo no processo de criação de um.


Takeaways -chave


  • Os gráficos de bolhas representam visualmente dados de uma maneira única e envolvente
  • Identificar variáveis ​​para os eixos X e Y é crucial para criar um gráfico de bolhas eficazes
  • Personalizando gráficos de bolhas com esquemas de cores e etiquetas de dados podem melhorar a clareza e compreensão
  • A análise dos gráficos de bolhas pode ajudar a identificar tendências, tomar decisões orientadas a dados e interpretar as relações entre variáveis
  • As práticas recomendadas para o uso de gráficos de bolhas incluem manter o gráfico simples, evitar a desordem e usar o gráfico para contar uma história atraente com os dados


Compreender os dados


Antes de criar um gráfico de bolhas no Excel, é importante entender os dados que serão usados ​​para o gráfico. Isso inclui a identificação das variáveis ​​para os eixos x e y, selecionando o conjunto de dados que serão usados ​​para o gráfico de bolhas e entender a variável de tamanho para as bolhas.

A. Identificando as variáveis ​​para os eixos X e Y

Ao criar um gráfico de bolhas, é essencial determinar quais variáveis ​​serão plotadas nos eixos X e Y. Isso dependerá dos dados específicos com os quais você está trabalhando e dos relacionamentos que deseja visualizar.

B. Selecionando o conjunto de dados que será usado para o gráfico de bolhas

Uma vez identificados as variáveis ​​para os eixos X e Y, é necessário selecionar o conjunto de dados apropriado que contém os valores para essas variáveis. Esta pode ser uma tabela ou uma variedade de células no Excel.

C. Compreendendo a variável de tamanho para as bolhas

Em um gráfico de bolhas, o tamanho de cada bolha representa uma terceira variável. É importante entender essa variável de tamanho e como ela se relaciona com os dados que estão sendo visualizados. Essa variável pode representar uma série de valores, como receita ou tamanho da população, e determinará o tamanho das bolhas no gráfico.


Criando o gráfico de bolhas


O Excel fornece uma maneira direta de criar um gráfico de bolhas, permitindo visualizar dados de maneira interativa e visualmente atraente. Abaixo estão as etapas para criar um gráfico de bolhas no Excel.

A. Navegando para a guia "Inserir" no Excel

Para começar a criar um gráfico de bolhas no Excel, abra sua planilha do Excel e navegue até a guia "Inserir" localizada na parte superior da interface do Excel.

B. Selecionando "Gráfico de bolhas" nas opções de gráfico

Depois de acessar a guia "Inserir", clique no grupo "gráficos" e selecione "Insira a opção Scatter (x, y) ou bubble". Isso abrirá um menu suspenso com várias opções de gráfico.

C. Escolhendo o tipo específico de gráfico de bolhas para criar

Depois de selecionar a opção "Gráfico de bolhas", você poderá escolher o tipo específico de gráfico de bolhas que deseja criar. O Excel oferece diferentes variações de gráficos de bolhas, como gráfico de bolhas em 2-D ou gráfico de bolhas 3D, permitindo que você personalize a aparência do seu gráfico com base em suas preferências.


Personalizando o gráfico de bolhas


Depois de criar um gráfico de bolhas no Excel, convém personalizá -lo para melhor atender às suas necessidades. Isso pode incluir a alteração do esquema de cores das bolhas, ajuste seu tamanho e espaçamento e adição de etiquetas de dados para maior clareza.

Mudando o esquema de cores das bolhas


Se você deseja alterar a cor das bolhas em seu gráfico, pode fazê -lo seguindo estas etapas:

  • Selecione as bolhas: Clique em qualquer bolha individual no gráfico para selecionar todas as bolhas.
  • Formate as bolhas: Clique com o botão direito do mouse nas bolhas selecionadas e escolha "Série de dados de formato". Isso abrirá um painel no lado direito da tela.
  • Altere a cor do preenchimento: No painel da série de dados do formato, navegue até a guia "Fill & Line". A partir daqui, você pode escolher uma nova cor para as bolhas clicando na opção "Preencher" e selecionando uma cor no menu suspenso.

Ajustando o tamanho e o espaçamento das bolhas


Para ajustar o tamanho e o espaçamento das bolhas em seu gráfico, você pode seguir estas etapas:

  • Redimensione as bolhas: Clique em qualquer bolha individual no gráfico para selecionar todas as bolhas. Em seguida, clique e arraste as alças nas bolhas selecionadas para redimensioná -las conforme desejado.
  • Ajuste o espaçamento: Se você deseja alterar o espaçamento entre as bolhas, poderá fazê -lo ajustando a escala do eixo. Clique com o botão direito do mouse no eixo horizontal ou vertical, selecione "Eixo do formato" e ajuste os valores mínimo e máximo para alterar o espaçamento entre as bolhas.

Adicionando rótulos de dados às bolhas para maior clareza


Se você deseja adicionar rótulos de dados às bolhas no seu gráfico para fornecer clareza, você pode fazê -lo seguindo estas etapas:

  • Selecione as bolhas: Clique em qualquer bolha individual no gráfico para selecionar todas as bolhas.
  • Adicione rótulos de dados: Clique com o botão direito do mouse nas bolhas selecionadas e escolha "Adicionar etiquetas de dados". Isso exibirá os valores das bolhas no gráfico.
  • Personalize os rótulos de dados: Para personalizar ainda mais os rótulos de dados, você pode clicar com o botão direito do mouse e escolher "formatar rótulos de dados" para ajustar sua fonte, tamanho, cor e posição no gráfico.


Analisando o gráfico de bolhas


Quando você tem um conjunto de dados e deseja visualizar as relações entre diferentes variáveis, um gráfico de bolhas no Excel pode ser uma ferramenta poderosa. Ao identificar tendências e padrões, usando o gráfico para tomar decisões orientadas a dados e interpretar as relações entre variáveis, você pode obter informações valiosas com seus dados.

A. Identificando tendências e padrões nos dados

  • Tamanho das bolhas: O tamanho das bolhas no gráfico pode representar um ponto de dados específico, como volume de vendas ou participação de mercado. Ao comparar os tamanhos das bolhas, você pode identificar rapidamente quais variáveis ​​têm o impacto mais significativo no conjunto de dados.
  • Cor das bolhas: O uso de cores diferentes para representar categorias ou variáveis ​​diferentes no gráfico pode ajudar a identificar padrões e tendências com mais facilidade. Por exemplo, você pode usar cores diferentes para representar diferentes linhas de produtos ou regiões geográficas.

B. Usando o gráfico para tomar decisões orientadas a dados

  • Identificando Outliers: Ao examinar a distribuição das bolhas no gráfico, você pode identificar rapidamente outliers ou anomalias nos dados. Isso pode ajudá -lo a entender quais variáveis ​​podem precisar de mais investigação ou ajuste.
  • Comparando várias variáveis: O gráfico de bolhas permite comparar várias variáveis ​​simultaneamente. Ao analisar as relações entre essas variáveis, você pode tomar decisões informadas sobre alocação de recursos, planejamento estratégico e desenvolvimento de produtos.

C. Interpretando as relações entre variáveis ​​no gráfico

  • Correlação e causa: O gráfico de bolhas pode ajudá -lo a identificar correlações entre diferentes variáveis. No entanto, é essencial lembrar que a correlação não implica causalidade. Use o gráfico para formar hipóteses, mas não se esqueça de validar essas hipóteses por meio de análises adicionais.
  • Identificando clusters: Ao examinar a distribuição das bolhas no gráfico, você pode identificar clusters ou grupos de variáveis ​​relacionadas. Isso pode ajudá -lo a identificar segmentos de mercado, preferências do cliente ou outras idéias valiosas.


Melhores práticas para usar gráficos de bolhas


Ao criar um gráfico de bolhas no Excel, é importante ter em mente algumas práticas recomendadas para garantir que o gráfico comunique efetivamente os dados e seja fácil para o público entender.

A. Mantendo o gráfico simples e fácil de entender

Ao criar um gráfico de bolhas, é importante manter o design simples. Use rótulos claros, um esquema de cores simples e um layout limpo para facilitar a interpretação do público.

B. Evitando pontos de conflito e dados excessivos

Evite superlotação do gráfico de bolhas com muitos pontos de dados. Em vez disso, concentre -se em destacar as tendências ou comparações mais importantes. Isso ajudará a impedir que o gráfico se torne esmagador e difícil de ler.

C. Usando o gráfico para contar uma história atraente com os dados

Considere qual história você deseja que os dados contem e use o gráfico de bolhas para comunicar efetivamente essa narrativa. Use o tamanho, a cor e a posição das bolhas para enfatizar os principais pontos e orientar o foco do público para as idéias mais importantes.


Conclusão


Para concluir, gráficos de bolhas são uma ferramenta valiosa para visualizar e analisar dados no Excel. Eles permitem a representação de três variáveis ​​em um gráfico bidimensional, facilitando a identificação de padrões e tendências. Nós o encorajamos a Pratique a criação e análise de gráficos de bolhas no Excel, pois isso melhorará suas habilidades de visualização de dados e ajudará a tomar decisões mais informadas com base em seus dados.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles