Tutorial do Excel: Como fazer um gráfico de execução no Excel

Introdução


Quando se trata de visualizar as tendências de dados ao longo do tempo, os gráficos de execução são uma ferramenta inestimável. A Executar gráfico é um gráfico de linha que exibe pontos de dados em ordem cronológica, permitindo identificar padrões e tendências facilmente. É uma ferramenta simples e poderosa para rastrear o desempenho, identificar variações e tomar decisões orientadas a dados. Neste tutorial do Excel, o guiaremos através do processo de criação de um gráfico de execução no Excel, para que você possa aproveitar o poder dessa ferramenta de visualização para suas necessidades de análise de dados.


Takeaways -chave


  • Os gráficos de execução são uma ferramenta valiosa para visualizar tendências de dados ao longo do tempo.
  • Criar um gráfico de execução no Excel envolve preparação de dados, criação de gráficos, adição de rótulos de dados e linha de tendência, personalização do gráfico e análise de dados.
  • Executar gráficos ajuda a rastrear o desempenho, identificar variações e tomar decisões orientadas a dados.
  • Personalizando o gráfico e analisando os padrões e tendências são etapas cruciais no uso de gráficos de execução de maneira eficaz.
  • Praticar a criação de gráficos de execução no Excel pode levar a uma melhor visualização e análise de dados para a tomada de decisão informada.


Etapa 1: Preparação de dados


Antes de criar um gráfico de execução no Excel, é importante preparar os dados corretamente. Isso envolve organizar os dados e garantir que sejam precisos e completos.

A. Organizando os dados no Excel

Comece abrindo uma nova pasta de trabalho do Excel e inserindo seus dados em uma planilha. Certifique -se de usar um formato consistente para seus dados, como uma tabela com colunas para a data e os pontos de dados que você deseja rastrear.

B. garantir que os dados sejam precisos e completos


Antes de criar um gráfico de execução, é crucial verificar novamente que seus dados são precisos e completos. Isso significa verificar se não há valores, duplicados ou erros ausentes nos dados. Também é importante garantir que os dados sejam formatados corretamente para uso em um gráfico de execução.


Etapa 2: Criando o gráfico


Depois de inserir seus dados na planilha do Excel, a próxima etapa é criar o gráfico de execução usando a guia Inserir.

A. Navegando para a guia Inserir no Excel

Vá para a fita superior da sua folha do Excel e clique na guia Inserir. Isso abrirá uma variedade de opções de gráfico para você escolher.

B. Selecionando a opção de gráfico de dispersão

Uma vez na guia Inserir, role as opções do gráfico e selecione o gráfico de dispersão. Esse tipo de gráfico permitirá que você visualize os pontos de dados de uma maneira necessária para criar um gráfico de execução.

C. Escolhendo o subtipo apropriado para o gráfico de execução

Depois de selecionar o gráfico de dispersão, você precisará escolher o subtipo apropriado para o gráfico de execução. Procure a opção de plotagem de dispersão que possui linhas que conectam os pontos de dados, pois isso ajudará você a visualizar as tendências e padrões em seus dados ao longo do tempo.


Etapa 3: Adicionando rótulos de dados e linha de tendência


Depois de criar o gráfico de execução, a próxima etapa é adicionar rótulos de dados e uma linha de tendência para aprimorar ainda mais a visualização dos dados.

A. Clicando com o botão direito do mouse nos pontos de dados para adicionar rótulos de dados

Para adicionar rótulos de dados aos pontos de dados no gráfico de execução, basta clicar com o botão direito do mouse em qualquer ponto de dados. Um menu aparecerá e você pode selecionar "Adicionar etiquetas de dados". Isso exibirá os valores reais de cada ponto de dados no gráfico, permitindo uma interpretação e análise mais fáceis.

B. Adicionando uma linha de tendência para mostrar o padrão ou tendência geral

Adicionar uma linha de tendência ao gráfico de execução pode ajudar a visualizar o padrão ou a tendência geral dos dados. Para adicionar uma linha de tendência, clique com o botão direito do mouse em qualquer ponto de dados e selecione "Adicionar linha de tendência". Você pode escolher o tipo de linha de tendência (linear, exponencial etc.) que melhor se ajusta aos dados e personalize sua aparência para se adequar às suas preferências.


Etapa 4: Personalizando o gráfico


Depois de criar seu gráfico de execução no Excel, é hora de personalizá -lo para torná -lo mais visualmente atraente e fácil de entender. Aqui estão algumas maneiras de personalizar seu gráfico:

A. Mudando os rótulos e títulos do eixo
  • Ajustando os rótulos do eixo: Clique nos rótulos do eixo e selecione o texto que você deseja alterar. Você pode digitar os novos rótulos para descrever melhor seus dados.
  • Editando o título: Clique no título do gráfico e digite um novo título que comunique claramente o objetivo do seu gráfico de execução.
  • Personalizando a lenda: Se o seu gráfico de execução incluir uma lenda, você poderá editá -lo para torná -lo mais claro e mais informativo. Basta clicar na lenda e fazer as alterações necessárias.

B. Ajustando a aparência do gráfico para clareza
  • Mudando as cores: Você pode personalizar as cores dos elementos do seu gráfico para torná -los mais visualmente atraentes. Clique com o botão direito do mouse no elemento que você deseja alterar e selecione "Format Data Series" para escolher uma nova cor.
  • Ajustando a espessura da linha: Se o seu gráfico de execução incluir linhas, você poderá ajustar a espessura deles para torná -las mais visíveis. Clique na linha que deseja alterar e selecione "Série de dados do formato" para ajustar o peso da linha.
  • Adicionando etiquetas de dados: Para tornar seu gráfico de execução mais claro, você pode adicionar rótulos de dados que exibem os valores exatos de seus pontos de dados. Basta clicar na série de dados e selecionar "Adicionar rótulos de dados" no menu Formato.


Etapa 5: Analisando o gráfico de execução


Depois de criar o gráfico de execução no Excel, a próxima etapa é analisar os dados e desenhar informações significativas. Esta etapa é crucial para tomar decisões informadas com base nos padrões e tendências observados no gráfico de execução.

A. Interpretando os padrões e tendências nos dados
  • Identificando tendências:


    Procure tendências para cima ou para baixo nos dados. Isso pode indicar melhorias ou deterioração no processo ao longo do tempo.
  • Padrões de detecção:


    Verifique se há padrões consistentes, como ciclos, sazonalidade ou variações aleatórias nos dados. Esses padrões podem fornecer informações valiosas sobre os fatores subjacentes que afetam o processo.
  • Outliers:


    Identifique quaisquer pontos de dados que se estejam fora do intervalo esperado. Esses outliers podem indicar causas especiais que precisam ser investigadas ainda mais.

B. Usando o gráfico de corrida para tomar decisões informadas
  • Identificando as causas radiculares:


    Ao analisar o gráfico de execução, você pode identificar possíveis causas de variação raiz no processo. Isso pode ajudar a abordar os problemas subjacentes e melhorar o desempenho geral.
  • Definindo metas e metas:


    Com base nas tendências e padrões observados no gráfico de execução, você pode definir metas e metas realistas para a melhoria do processo. Isso garante que quaisquer alterações ou intervenções sejam baseadas em informações orientadas a dados.
  • Monitoramento de desempenho:


    O gráfico de corrida pode servir como uma ferramenta visual para monitorar o desempenho do processo ao longo do tempo. Ao atualizar regularmente o gráfico com novos dados, você pode acompanhar o impacto de quaisquer intervenções e fazer ajustes conforme necessário.


Conclusão


Em conclusão, os gráficos de execução são uma ferramenta vital na análise de dados, pois ajudam a identificar tendências e padrões ao longo do tempo. Ao praticar as etapas descritas neste tutorial, você pode aprimorar suas habilidades de visualização e análise de dados usando o Excel. À medida que você se torna mais proficiente na criação de gráficos de execução, você estará melhor equipado para tomar decisões informadas e identificar oportunidades de melhoria nos seus dados.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles