Tutorial do Excel: Como fazer um gráfico no Excel 2020

Introdução


Criando Gráficos no Excel é uma habilidade fundamental para quem trabalha com dados. Ao representar visualmente dados, os gráficos facilitam a identificação de tendências, padrões e outliers e comunicar as descobertas a outras pessoas. Neste tutorial, exploraremos o Importância de criar gráficos no Excel e a benefícios do uso de gráficos na análise de dados.

Explorando a importância de criar gráficos no Excel


  • Os gráficos fornecem uma representação visual dos dados, facilitando a interpretação e a análise.
  • Eles podem ajudar a identificar tendências, padrões e outliers que podem não ser aparentes nos dados brutos.
  • Os gráficos são essenciais para apresentar dados de maneira clara e compreensível para colegas, clientes ou partes interessadas.

Visão geral dos benefícios do uso de gráficos na análise de dados


  • Os gráficos facilitam a identificação de tendências e padrões nos dados.
  • Eles podem ajudar a comparar diferentes conjuntos de dados e identificar relacionamentos entre variáveis.
  • Os gráficos podem aprimorar o entendimento de conjuntos de dados complexos e suportar a tomada de decisão mais informada.


Takeaways -chave


  • A criação de gráficos no Excel é crucial para representar visualmente dados e facilitar a interpretação e a análise.
  • Os gráficos ajudam a identificar tendências, padrões e outliers que podem não ser aparentes nos dados brutos, aprimorando a análise de dados.
  • Escolher o tipo de gráfico certo e personalizá -lo para apelo visual e clareza é essencial para a representação eficaz de dados.
  • Adicionar títulos e etiquetas ao gráfico é importante para uma comunicação clara de descobertas para outras pessoas.
  • Analisar e interpretar os dados representados no gráfico pode suportar a tomada de decisão mais informada.


Compreender os dados


Ao criar um gráfico no Excel, é essencial começar entendendo os dados que serão usados. Isso envolve importar os dados para o Excel e revisá -los para determinar o melhor tipo de gráfico a ser usado.

Importando os dados para o Excel

Antes de criar um gráfico, os dados precisam ser importados para o Excel. Isso pode ser feito copiando e colando os dados diretamente em uma nova planilha do Excel ou usando o recurso "Importar dados" para trazer dados de uma fonte externa, como um arquivo ou banco de dados CSV.

Revisando os dados para determinar o melhor tipo de gráfico para usar

Depois que os dados são importados, é importante revisá -los para determinar o melhor tipo de gráfico a ser usado. Os fatores a serem considerados incluem o tipo de dados (por exemplo, numérico, categórico), o número de variáveis ​​e a relação entre as variáveis. Por exemplo, se você tiver dados numéricos e deseja mostrar tendências ao longo do tempo, um gráfico de linha pode ser a melhor opção. Por outro lado, se você tiver dados categóricos e deseja comparar categorias diferentes, um gráfico de barras pode ser mais apropriado.


Escolhendo o tipo de gráfico certo


Quando se trata de criar um gráfico no Excel, é crucial escolher o tipo de gráfico certo que representa efetivamente os dados. Existem vários tipos de gráficos disponíveis no Excel, cada um com seus próprios recursos e propósitos.

a. Explorando os diferentes tipos de gráficos disponíveis no Excel

O Excel oferece uma variedade de tipos de gráficos, incluindo gráficos de barras, gráficos de linha, gráficos de pizza, gráficos de dispersão e muito mais. Cada tipo de gráfico possui seu próprio caso de uso específico e é adequado para diferentes tipos de dados.

b. Considerando o melhor tipo de gráfico para o conjunto de dados específico

Antes de criar um gráfico no Excel, é essencial considerar cuidadosamente o conjunto de dados específico e a melhor maneira de representá -lo visualmente. Por exemplo, se você deseja mostrar a distribuição de categorias dentro de um todo, um gráfico de pizza pode ser a melhor opção. Se você deseja exibir a tendência dos dados ao longo do tempo, um gráfico de linha pode ser mais adequado.


Criando o gráfico


O Excel é uma ferramenta poderosa para criar representações visuais de dados através de gráficos. Abaixo estão as instruções passo a passo para criar um gráfico no Excel, bem como dicas para personalizar o gráfico para aprimorar o apelo visual e a clareza.

Instruções passo a passo para criar um gráfico no Excel


  • Passo 1: Abra a planilha do Excel que contém os dados que você deseja representar.
  • Passo 2: Destaque os dados que você deseja incluir no gráfico.
  • Etapa 3: Clique na guia "Inserir" na parte superior da janela do Excel.
  • Passo 4: No grupo "gráficos", selecione o tipo de gráfico que você deseja criar (por exemplo, gráfico de barras, gráfico de linha, gráfico de pizza).
  • Etapa 5: Um gráfico básico aparecerá em sua planilha com base nos dados que você selecionou.
  • Etapa 6: Personalize o gráfico adicionando um título, etiquetas de eixo e outros elementos visuais para melhorar a clareza.
  • Etapa 7: Salve e exporte o gráfico para uso em seus relatórios, apresentações ou outros documentos.

Personalizando o gráfico para aprimorar o apelo visual e a clareza


  • Título: Adicione um título claro e descritivo ao seu gráfico para fornecer contexto para os dados que estão sendo exibidos.
  • Etiquetas de eixo: Rotule claramente o eixo x e o eixo y para indicar o que cada um representa.
  • Rótulos de dados: Considere adicionar rótulos de dados aos pontos de dados no gráfico para facilitar a referência.
  • Cores e estilos: Escolha cores e estilos que sejam visualmente atraentes e facilite a interpretação do gráfico.
  • Formatação: Ajuste a formatação do gráfico para garantir que seja fácil de ler e entender.


Adicionando títulos e etiquetas


Ao criar um gráfico no Excel, é essencial adicionar títulos e etiquetas para fornecer contexto e tornar as informações facilmente compreensíveis para o público. Os títulos e etiquetas servem como um guia para ajudar a interpretar os dados e entender o significado do gráfico.

Importância de adicionar títulos e etiquetas ao gráfico


  • Clareza: Os títulos e os rótulos fornecem clareza explicando o que o gráfico representa, o que os eixos indicam e as unidades de medição.
  • Entendimento: Eles ajudam o público a entender o objetivo do gráfico e sua relevância para os dados que estão sendo apresentados.
  • Profissionalismo: A adição de títulos e etiquetas demonstra profissionalismo e atenção aos detalhes, tornando o gráfico mais apresentável e informativo.

Instruções para adicionar e formatar títulos e etiquetas no Excel


  • Título: Para adicionar um título ao gráfico, clique no gráfico, vá para a guia "Ferramentas do gráfico", selecione "Layout" e clique em "Título do gráfico". Escolha a colocação do título (acima do gráfico ou sobreposição centrada) e digite o título.
  • Etiquetas X e Y-eixos: Clique no gráfico, vá para a guia "Ferramentas do gráfico", selecione "Layout" e clique em "Títulos do eixo". Escolha se deve adicionar um título para o eixo horizontal (x) ou o eixo vertical (y) e digite o rótulo.
  • Formatação: Para formatar os títulos e etiquetas, clique no texto e use as opções de formatação no grupo "font" na guia "Home". Você pode alterar a fonte, tamanho, cor, alinhamento e outras propriedades de texto para melhorar a aparência dos títulos e etiquetas.


Analisando e interpretando o gráfico


Depois de criar um gráfico no Excel 2020, é importante analisar e interpretar os dados representados no gráfico. Isso ajudará a tirar conclusões e tomar decisões informadas com base na representação visual dos dados.

a. Interpretando os dados representados no gráfico
  • Comece examinando os eixos do gráfico. O eixo x representa a variável independente, enquanto o eixo y representa a variável dependente. Compreender as variáveis ​​que estão sendo medidas é essencial para interpretar os dados com precisão.

  • Veja os pontos de dados no gráfico. Analise as tendências, padrões e relações entre as variáveis. Existem outliers ou resultados inesperados que precisam de uma investigação mais aprofundada?

  • Considere a escala do gráfico. É uma escala linear ou logarítmica? Compreender a escala fornecerá informações sobre a magnitude e proporcionalidade dos dados.


b. Usando o gráfico para tirar conclusões e tomar decisões informadas
  • Identifique quaisquer correlações ou tendências nos dados. Existe uma correlação positiva, negativa ou não entre as variáveis? O gráfico pode ajudar a identificar visualmente relacionamentos que podem não ser evidentes nos dados brutos.

  • Compare vários conjuntos de dados no mesmo gráfico para fazer comparações. Isso pode ser útil na análise de tendências ao longo do tempo, comparando diferentes grupos ou avaliando o impacto das variáveis ​​no resultado.

  • Utilize o gráfico para tomar decisões informadas. Por exemplo, se o gráfico mostrar uma tendência clara nas vendas ao longo do tempo, poderá ajudar na previsão de vendas futuras e a tomar decisões de negócios estratégicas.



Conclusão


Para concluir, Criar um gráfico no Excel é uma habilidade valiosa que pode aprimorar seus recursos de análise de dados. Para recapitular, comece selecionando seus dados e insira um gráfico e personalize -o para atender às suas necessidades. Lembre -se de rotular seus eixos e adicionar um título para clareza. Por fim, não se esqueça de praticar a criação de diferentes tipos de gráficos para se tornar mais proficiente no Excel. Incentivamos todos os nossos leitores a praticar a criação de gráficos no Excel 2020 para aprimorar suas habilidades de visualização e análise de dados.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles