Tutorial do Excel: Como fazer um gráfico de funil no Excel

Introdução


Você está procurando adicionar um gráfico de funil Para o seu repertório de visualização de dados do Excel? Os gráficos de funil são uma ótima maneira de ilustrar os diferentes estágios de um processo, destacando as taxas de progressão ou conversão em cada estágio. Neste tutorial, seguiremos as etapas para criar um gráfico de funil no Excel e discutir o benefícios de usar esse tipo de gráfico para suas necessidades de visualização de dados.


Takeaways -chave


  • Os gráficos de funil são uma ótima maneira de ilustrar os diferentes estágios de um processo e destacar as taxas de progressão ou conversão.
  • O uso de um gráfico de funil no Excel pode trazer um elemento divertido e visualmente atraente para sua visualização de dados.
  • A preparação adequada dos dados é essencial para criar um gráfico de funil eficaz no Excel.
  • As opções de personalização para gráficos de funil no Excel, como cores e etiquetas, podem aumentar o impacto visual do gráfico.
  • É importante entender como interpretar e comunicar efetivamente as idéias obtidas em um gráfico de funil.


Entendendo o gráfico de funil


Os gráficos de funil são um tipo de gráfico frequentemente usado para representar estágios em um processo de vendas. Eles geralmente são usados ​​para mostrar a redução progressiva dos dados à medida que passa por vários estágios. Esse tipo de gráfico é particularmente eficaz para exibir o processo de conversão de vendas, identificar possíveis pontos de entrega e analisar o fluxo geral de dados.

A. Defina o que é um gráfico de funil e quando normalmente é usado

Um gráfico de funil é um gráfico de séries únicas que consiste em vários estágios que são exibidos como proporções progressivamente decrescentes. Cada estágio representa uma parte do todo e é conectado por uma forma de funil, que fica mais estreita à medida que se move de cima para baixo. Os gráficos de funil são comumente usados ​​para visualizar o pipeline de vendas, o funil de marketing ou qualquer processo com um grande número de estágios que levam a um resultado final.

B. Discuta as vantagens do uso de um gráfico de funil para apresentar dados

Os gráficos de funil oferecem várias vantagens para a apresentação de dados. Eles fornecem uma clara visualização da redução progressiva dos dados por meio de vários estágios, facilitando a identificação de gargalos e áreas para melhorias. Os gráficos de funil também permitem uma comparação rápida dos tamanhos relativos de diferentes estágios do processo, ajudando a identificar onde ocorrem as maiores queda. Além disso, a natureza visual dos gráficos de funil facilita a compreensão e a interpretação, mesmo para indivíduos que podem não estar familiarizados com a análise complexa de dados.


Preparação de dados


Antes de criar um gráfico de funil no Excel, é importante ter o tipo certo de dados e organizá -lo corretamente.

A. Tipo de dados mais adequado para um gráfico de funil

Um gráfico de funil é mais adequado para dados que representam um processo com estágios sucessivos, onde cada estágio tem uma quantidade ou valor decrescente. Isso pode incluir dutos de vendas, taxas de conversão ou processos de recrutamento.

B. Instruções passo a passo para organizar dados no Excel para um gráfico de funil

Siga estas etapas para organizar seus dados no Excel para um gráfico de funil:

  • Passo 1: Abra uma nova pasta de trabalho do Excel e insira seus dados em uma nova planilha. Cada estágio do processo deve ter sua própria coluna, com a coluna final mostrando o resultado final.
  • Passo 2: Rotule a primeira linha com os nomes de teatro e a segunda linha com os valores ou quantidades correspondentes.
  • Etapa 3: Destaque o intervalo de dados, incluindo os nomes e valores de estágio.
  • Passo 4: Clique na guia "Inserir" na parte superior da janela do Excel e selecione "Funil" na lista de tipos de gráficos.
  • Etapa 5: O Excel gerará um gráfico de funil padrão com base nos seus dados. Você pode personalizar ainda mais o gráfico adicionando títulos, etiquetas e ajustando o esquema de cores.


Criando um gráfico de funil


Os gráficos de funil são uma ótima maneira de visualizar a redução progressiva dos dados à medida que passa por diferentes estágios. Neste tutorial, seguiremos o processo de criação de um gráfico de funil no Excel, além de explorar diferentes opções de personalização.

A. Atravesse o processo de selecionar os dados e inserir um gráfico de funil no Excel

1. Comece selecionando os dados que você deseja usar para o gráfico de funil. Esses dados devem incluir os diferentes estágios e seus valores correspondentes.

2. Depois de selecionar os dados, vá para a guia Inserir na fita do Excel. Na guia Inserir, navegue até o grupo de gráficos e clique no botão Inserir hierarquia.

3. No menu suspenso, selecione a opção de gráfico de funil. Isso inserirá um gráfico de funil padrão na sua planilha do Excel com base nos dados selecionados.

B. Discuta diferentes opções de personalização para o gráfico de funil, como cores e etiquetas

Os gráficos de funil podem ser personalizados para atender melhor às suas necessidades de dados e apresentação. Aqui estão algumas opções de personalização a serem consideradas:

  • 1. Cores: Você pode alterar as cores dos diferentes estágios no gráfico de funil para se alinhar melhor à sua marca ou tornar o gráfico mais visualmente atraente. Para fazer isso, clique no gráfico para selecioná -lo e, em seguida, use a guia Formato na fita do Excel para acessar as opções de preenchimento de forma e contorno da forma.
  • 2. Rótulos: Adicionar rótulos ao gráfico de funil pode ajudar a fornecer mais contexto e clareza aos dados. Você pode adicionar rótulos de dados clicando no gráfico para selecioná -lo e, em seguida, indo para a guia Design na fita do Excel e selecionando o botão Adicionar elemento do gráfico. No menu suspenso, escolha etiquetas de dados e selecione a posição em que deseja que os rótulos apareçam.
  • 3. Série de dados: Você também pode personalizar a série de dados no gráfico de funil para destacar estágios ou valores específicos. Clique no gráfico para selecioná -lo e use o painel da série de dados do formato para ajustar as opções de série, como sobreposição e largura de lacuna.


Interpretando o gráfico de funil


Quando se trata de interpretar um gráfico de funil no Excel, é importante entender como analisar os dados apresentados e comunicar efetivamente as idéias obtidas no gráfico.

A. Explique como analisar os dados apresentados no gráfico de funil
  • Compreendendo os estágios:


    O gráfico de funil normalmente representa diferentes estágios de um processo, com cada estágio mostrando o número ou porcentagem de itens que passam de um estágio para o outro. É importante identificar e entender esses estágios para interpretar os dados com precisão.
  • Identificando tendências:


    Procure quaisquer padrões ou tendências no gráfico de funil. Existem estágios em que há uma queda significativa nos números? Existem picos ou quedas inesperados? A análise dessas tendências pode fornecer informações valiosas sobre os dados subjacentes.
  • Comparando vários funis:


    Se você tiver vários gráficos de funil para diferentes períodos ou segmentos, compare -os para identificar quaisquer alterações ou variações. Isso pode ajudar a entender o desempenho geral e tomar decisões informadas.
  • Usando dados adicionais:


    Em alguns casos, pode ser benéfico complementar o gráfico de funil com dados ou métricas adicionais para obter uma compreensão mais abrangente dos fatores subjacentes que influenciam o desempenho do funil.

B. Forneça dicas para comunicar efetivamente as idéias obtidas no gráfico de funil
  • Use rótulos claros e concisos:


    Certifique -se de que os rótulos e títulos no gráfico de funil sejam fáceis de entender e transmitam claramente as informações que estão sendo apresentadas.
  • Fornecer contexto:


    Ao compartilhar informações do gráfico de funil, forneça contexto para ajudar o público a entender o significado das descobertas e como elas podem ser aplicadas nos processos de tomada de decisão.
  • Visualize tendências e comparações:


    Use auxílios visuais adicionais, como linhas de tendência ou comparações lado a lado, para destacar as principais conclusões e facilitar o público para entender as idéias do gráfico de funil.
  • Concentre -se em insights acionáveis:


    Ao comunicar as idéias, enfatize as sugestões acionáveis ​​que podem gerar melhorias ou mudanças no processo ou estratégia que está sendo analisada.


Melhores práticas para gráficos de funil


Os gráficos de funil são uma ótima maneira de visualizar estágios em um processo, como oleodutos de vendas, funis de marketing ou taxas de conversão. No entanto, para transmitir efetivamente as informações, é importante seguir as melhores práticas para criar e apresentar gráficos de funil.

A. Discuta erros comuns a serem evitados ao criar um gráfico de funil
  • 1. Usando dados inadequados: Um erro comum é usar dados inadequados para um gráfico de funil. Verifique se você possui dados que representam um processo com estágios distintos.
  • 2. Pedido incorreto dos estágios: Outro erro é não encomendar os estágios corretamente. Os estágios devem ser organizados em uma sequência lógica para representar com precisão o processo.
  • 3. Sobrecarregar o gráfico: Evite supercomplicar o gráfico com detalhes desnecessários ou muitos estágios, o que pode dificultar a interpretação.

B. Forneça práticas recomendadas para projetar e apresentar um gráfico de funil para obter o máximo impacto
  • 1. Use o tipo de gráfico apropriado: Escolha o tipo certo de gráfico de funil que melhor se ajusta aos seus dados e à história que você deseja contar. As opções incluem funil padrão, funil 3D ou um funil horizontal.
  • 2. Simplifique o design: Mantenha o design limpo e simples, evitando desordem e distrações. Use cores e anotações com moderação para destacar os principais pontos.
  • 3. Rotule seus estágios: Claramente, rotule cada estágio do funil para fornecer contexto e facilite para o público entender o gráfico.
  • 4. Enfatize as informações mais importantes: Destaque os estágios ou pontos de dados mais críticos para chamar a atenção para os principais insights.


Conclusão


Em conclusão, criando um gráfico de funil no Excel Envolve organizar seus dados, selecionar o tipo de gráfico de funil e personalizar o design. É uma ferramenta útil para visualizar os diferentes estágios de um processo, como funil de vendas ou marketing. Convido você a aplicar este tutorial ao seu próprio Visualização de dados As necessidades, pois podem ajudá -lo a apresentar seus dados de uma maneira clara e envolvente.

Excel Dashboard

ONLY $99
ULTIMATE EXCEL DASHBOARDS BUNDLE

    Immediate Download

    MAC & PC Compatible

    Free Email Support

Related aticles